Volvo Trucks

AUTO SUECO ANGOLA

“A nossa gama de camiões mais eficiente ao nível do combustível de sempre”

| Leitura de 2 minutos | Leitura de 2 minutos
Através de linhas motrizes e configurações de chassis eficientes ao nível do combustível, a nova gama da Volvo Trucks permite uma poupança significativa de combustível e de CO2. Os novos camiões fazem igualmente parte de uma visão de longo prazo no sentido de zero emissões.
Tomas Thuresson, Diretor de Comercialização, em frente ao novo Volvo FH com I-Save
O Diretor de Comercialização Tomas Thuresson aborda a nova gama da Volvo Trucks

O que podem os clientes esperar destes novos camiões em termos de eficiência de combustível?
“Podem esperar os nossos camiões mais eficientes ao nível do combustível até à data. O combustível representa cerca de um terço dos custos dos transportadores, pelo que continuamos a envidar todos os esforços para encontrar novas formas de reduzir o consumo de combustível nos nossos camiões. Por conseguinte, a utilização de combustível e as emissões de CO2 de um típico camião diesel de longa distância da Volvo diminuíram mais de 20% desde a década de 90. Os mais recentes motores Euro 6 step D da nova gama, por exemplo, incluem diversas melhorias ao nível da eficiência, incluindo um tipo de óleo de baixa viscosidade VDS-5 e novos anéis raspadores de óleo de pistões que reduzem o consumo de combustível. Por outro lado, novas tecnologias, incluindo o I-See com base em mapas e a função de roda livre I-Roll, fazem uso da força motriz do camião para reduzir ainda mais o consumo de combustível.”

De que forma podem estes camiões ser especificados para serem ainda mais eficientes ao nível do combustível?
“Os novos camiões Volvo FHFH16FM e FMX podem ser adaptados para se adequarem a uma vasta gama de aplicações e, desse modo, permitir reduções significativas de combustível e CO2. Para operações de longo curso, o novo Volvo FH com I-Save combina o motor D13TC com um pack de funcionalidades e pode proporcionar poupanças de combustível (diesel e AdBlue) de até 7%.* Ao mesmo tempo, tanto o Volvo FH como o Volvo FM estão disponíveis em versões GNL. Isto reduz os custos de combustível e as emissões de CO2 até 20%. Com BioGNL, essas emissões baixam para praticamente zero.”

Com todos os avanços em termos de combustíveis alternativos, por que motivo está a Volvo Trucks a lançar uma gama diesel?
“Cada tipo de combustível, da eletricidade ao GNL, passando pelo biogás e pelo diesel, tem as suas vantagens específicas, bem como as suas vulnerabilidades, adequando-se a diferentes tipos de tarefas de transporte. Como tal, penso que veremos diferentes fontes de energia e linhas motrizes lado a lado durante muitos anos. Ao mesmo tempo que desenvolvemos alternativas, a Volvo Trucks continua a inovar no sentido de tornar os nossos camiões diesel tão eficientes quanto possível. O mais recente Volvo FH com I-Save, por exemplo, o qual utiliza um tipo único de tecnologia turbo compound, é a prova definitiva de como ainda podemos ultrapassar os limites da eficiência ao nível do combustível.”

De que forma contribui para a visão de zero emissões a longo prazo da Volvo?
“Estamos num período de transição em que passamos de décadas de dependência do petróleo para alternativas renováveis e mais eficientes em termos de recursos. Tanto o impulso em direção à eficiência energética como o desenvolvimento de combustíveis alternativos são partes importantes no caminho rumo às zero emissões.”

FACTOS
Volvo FH with I-Save
Combina o novo motor D13TC com um pack de funcionalidades, proporcionando poupanças de combustível de até 7%.*

Motor GNL movido a gás
O Volvo FH GNL e o Volvo FM GNL movidos a gás podem funcionar com Gás Natural Liquefeito (GNL), o qual pode atingir reduções de emissões de CO2 até 20% em comparação com o diesel, ou BioLNG, o qual pode atingir reduções de emissões de CO2 até 100%. Isso está relacionado com as emissões do veículo durante a utilização, conhecido como do depósito às rodas.

Gás natural liquefeito (GNL)
O GNL é constituído por gás natural, um combustível fóssil. Este gás é liquefeito para transporte ou armazenamento através do arrefecimento do gás a baixas temperaturas.

BioGNL
O BioGNL, também denominado Biogás Liquefeito (BGL), é um biocombustível feito através do processamento de fluxos de resíduos orgânicos. O biogás desenvolve-se quando a matéria biológica se decompõe. Em seguida, o gás é arrefecido a baixas temperaturas.

*A melhoria do combustível é calculada comparando os custos do diesel e AdBlue para o D13TC Euro 6 Step D com o Pack de Combustível de Longo Curso (I-Save) com o D13 eSCR Euro 6 Step D sem o Pack de Combustível de Longo Curso. A economia real de combustível pode variar dependendo de muitos fatores, tais como a experiência do motorista, a utilização do cruise control, especificações do veículo, carga do veículo, topografia real, manutenção do veículo e condições meteorológicas.

Notícias relacionadas